Web Press Kits | Banco de WPKs | Sobre o Press Club  
 
 
 
Web Press Kit - ABRACORP

Página principal do Press Kit  Enviar notícia por e-mail | Versão para impressão | Digite ao lado para pesquisar

Arquivo | Turismo

TAP cria taxa e implanta de supet√£o

Na sexta-feira, 24/11, a TAP anunciou a implanta√ß√£o de uma taxa de servi√ßo (1,95%) sobre as passagens a√©reas pagas com cart√£o de cr√©dito, j√° a partir do dia 27. Detalhe: no 1¬ļ dia √ļtil ap√≥s o an√ļncio. Medida fora postergada tempos atr√°s, mas acabou formalizada.

Diz o comunicado da TAP, ‚ÄúEssa medida pretende dar maior transpar√™ncia √† rela√ß√£o com seus clientes, que poder√£o, a partir dessa data, decidir a melhor forma de efetuar o seu pagamento de acordo com sua comodidade e conveni√™ncia, sabendo exatamente quais os custos envolvidos‚ÄĚ.

Em contraposi√ß√£o a esta afirma√ß√£o, a Abracorp e outros representantes da cadeia de viagens (incluindo companhias a√©reas e o cliente), v√™m sustentando que o cart√£o de cr√©dito √© o meio mais eficaz para pagamento de transa√ß√Ķes. Minimiza riscos de fraudes e possibilita total transpar√™ncia no processo de compra. Al√©m disso, otimiza sobremaneira o processo operacional, reduzindo, sim, custos operacionais.

Quando a TAP anunciou, no mês passado, essa decisão, a Abracorp e entidades congêneres alertaram para dois aspectos:

1 - elevação dos custos financeiros para o cliente e operacionais para as agências;

2 - o timing na comunicação - informar o mercado das agências na véspera da implantação, tal como foi feito desta vez.

O montante de emiss√£o que √© feito na modalidade cart√£o de cr√©dito (em torno de 70% na Abracorp) no segmento a√©reo indica que o mercado j√° est√° consolidado com esse meio de pagamento. ‚Äú√Č de estranhar essa decis√£o da TAP, pois em outros segmentos a discuss√£o est√° exatamente na migra√ß√£o para o cart√£o de cr√©dito como meio de pagamento preferencial, exatamente em fun√ß√£o dos ganhos com produtividade, seguran√ßa e transpar√™ncia‚ÄĚ, afirma o diretor executivo da Abracorp, Gervasio Tanabe.

O cliente corporativo √© t√£o impactado quanto as ag√™ncias, com essa estrat√©gia da TAP, pois ir√° encarecer em 1,95% o custo da passagem. ‚ÄúEm todas as passagens da TAP agora teremos que avaliar o seu custo, pois n√£o podemos e nem queremos voltar ao processo faturado, exatamente pela transpar√™ncia que o cart√£o de cr√©dito oferece, al√©m de outros benef√≠cios operacionais‚ÄĚ, alegam os coordenadores do TMG (Travel Management Group).

‚ÄúO modelo faturado j√° n√£o existe mais mundo afora, que optou por meios mais seguros e transparentes de transa√ß√£o de pagamento‚ÄĚ, afirma Wellington Costa, diretor geral do GBTA Brasil.


Mais informações para a imprensa:
Luiz Henrique e Marily Miranda
AMIgo!
Fone: 11 - 3873-5488
Cel: 11 - 99658-8766
E-mail: marily.amigo@gmail.com.br
Site: http://www.agenciaamigo.com.br